Percepções de enfermeiras sobre a gestão do cuidado no contexto da Estratégia de Saúde da Família

Jones Sidnei Barbosa de Oliveira, Ivana Santos Pinto, Rodrigo Duarte dos Santos, Fabíola Barbosa Cardoso, Cleuma Sueli Santos Suto, Débora Lima da Silva

Resumo


Objetivo: analisar as representações sociais de enfermeiras sobre a gestão do cuidado em Estratégia de Saúde da Família. Método: pesquisa exploratória com metodologia qualitativa, realizada com dez enfermeiras de saúde da família. Utilizou-se entrevista semiestruturada com um roteiro pré-estabelecido, e para análise e discussão dos dados, a técnica de análise de conteúdo. Resultados: as representações sociais de enfermeiras sobre a gestão do cuidado estão relacionadas aos problemas de acesso e acessibilidade, mas também à importância da gestão do cuidado na atenção básica. Conclusão: as representações sociais de enfermeiras que atuam em atenção básica relacionam-se diretamente aos problemas e carências que são vivenciados na rotina do serviço diário que impactam diretamente a gestão do cuidado.


Palavras-chave


Enfermagem em Saúde Comunitária; Saúde da Família; Cuidados de Enfermagem; Gestão em Saúde.

Referências


Colliere MF. Promover a vida. Abecassis MLB, tradutora. Lisboa: Lidel; 1999; 4.

Waldow VR, Borges RF. Cuidar e humanizar: relações e significados. Acta Paul Enferm [internet]. 2011; 24(3):414-8. Available at: https://www.scielo.br/pdf/ape/v24n3/17.pdf

Cecílio LCO. Apontamentos teórico conceituais sobre processos avaliativos considerando as múltiplas dimensões da gestão do cuidado em saúde. Interface Comunic Saúde Educ [internet]. 2011; 15(37):589-599. Available at: https://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_abstract&pid=S1414-32832011000200021&lng=en&nrm=iso&tlng=pt

Siewert JS, Rodrigues DB, Malfussi LBH, Andrade SR, Erdmann AL. Gestão do Cuidado Integral em Enfermagem: reflexões sob a perspectiva do pensamento complexo. Rev Min Enferm [internet]. 2017; 21:e1047. Available at: https://cdn.publisher.gn1.link/reme.org.br/pdf/e1047.pdf

Silva SS, Assis MMA, Santos AM. Enfermeira como Protagonista do Gerenciamento do Cuidado na Estratégia Saúde da Família: Diferentes olhares analisadores. Texto Contexto Enferm [internet]. 2017; 26(3):e1090016. Available at: https://www.scielo.br/pdf/tce/v26n3/0104-0707-tce-26-03-e1090016.pdf

Ferreira GE, Dallagnol CM, Porto AR. Repercussões da proatividade no gerenciamento do cuidado: Percepções de enfermeiros. Esc Anna Nery [internet]. 2016; 20(3):e20160057. Available at: https://www.scielo.br/pdf/ean/v20n3/1414-8145-ean-20-03-20160057.pdf

Martins JS, Garcia JF, Passos ABB. Estratégia Saúde da Família: população participativa, saúde ativa. Revista Enfermagem Integrada [internet]. 2008; 1(1):01-09. Available at: https://www.unileste.edu.br/enfermagemintegrada/artigo/v1/julieta_martins_junior_garcia_e_ana_passos.pdf

Caires ES, Junior PJS. Territorialização em saúde: uma reflexão acerca de sua importância na atenção primária. Revista Eletrônica Acervo Saúde [internet]. 2017; 9(1):1174-1177. Available at: https://www.acervosaude.com.br/doc/REAS2.pdf

Iglesias A, Dalbelo-Araujo M. As concepções de promoção da saúde e suas implicações. Cad. Saúde Coletiva [internet]. 2011; 19(3):291-298. Available at: http://www.cadernos.iesc.ufrj.br/cadernos/images/csc/2011_3/artigos/csc_v19n3_291-298.pdf

Corrêa VAF, Acioli S, Tinoco TF. Cuidado do enfermeiro na Estratégia Saúde da Família: práticas e fundamentações teóricas. Rev. Bras. Enferm. [Internet]. 2018; 71(Suppl-6):2767-2774. Available at: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0034-71672018001202767&lng=en

Moscovici S. On social representation. In: Forgas JP. (Org). Social cognition: perspectives on everyday understanding. London: Academic Press [internet]. 1981;181-209. Available at: https://www.researchgate.net/publication/335241052_On_Social_Representations

Santos LS, Suto CS, Costa LEL, Almeida ES, Oliveira JSB, Junior JAA. Idosos representando a universidade da terceira idade pela via da Contranormatividade Rev. Saúde Col. UEFS [internet]. 2018; 8(1):7581. Available at: http://periodicos.uefs.br/index.php/saudecoletiva/article/view/2841

Oliveira MM. Como fazer pesquisa qualitativa. Revista e atualizada. 2016;7. Available at: https://www.academia.edu/19192704/Como_fazer_pesquisa_qualitativa_Maria_Oliveira

Moscovici S. Representações sociais: investigações em psicologia social. Traduzido do inglês por Guareschi PA. 2012;5. Available at: https://www.scielo.br/pdf/rbcsoc/v19n55/a14v1955

Polit DF, Beck CT. Fundamentos de Pesquisa em enfermagem: avaliação de evidências para as práticas da enfermagem. 2019;9. Available at: https://www.worldcat.org/title/fundamentos-de-pesquisa-em-enfermagem-metodos-avaliacao-e-utilizacao/oclc/58559341

Bardin L. Análise de conteúdo. São Paulo (SP): Edições 70; 2011.

Soratto J, Pires DEP, Trindade LL, Oliveira JSA, Forte ECN, Melo T. Insatisfação no trabalho de profissionais da saúde na Estratégia Saúde da Família. Texto Contexto Enferm [internet], 2017; 26(3):e2500016. Available at: https://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-07072017000300325

Rego A. Kafka e o estranho mundo da burocracia. São Paulo (SP): Atlas; 2010. Available at: https://www.researchgate.net/publication/279886818_KAFKA_E_O_ESTRANHO_MUNDO_DA_BUROCRACIA

Viegas APB, Carmo RF, Luz ZMP. Fatores que influenciam o acesso aos serviços de saúde na visão de profissionais e usuários de uma unidade básica de referência. Saúde Soc. São Paulo [internet]. 2015; 24(1):100-112. Available at: https://www.scielosp.org/pdf/sausoc/2015.v24n1/100-112/pt

Backes DS, Backes MS, Erdmann AL, Büscher A. O papel profissional do enfermeiro no Sistema Único de Saúde: da saúde comunitária à estratégia de saúde da família. Ciênc. saúde coletiva [Internet]. 2012; 17(1): 223-230. Available at: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232012000100024&lng=en

Carnut L. Cuidado, integralidade e atenção primária: articulação essencial para refletir sobre o setor saúde no Brasil. Saúde debate [Internet]. 2017; 41(115): 1177-1186. Available at: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-11042017000401177&lng=en

Prado NMBL, Santos AM. Promoção da saúde na Atenção Primária à Saúde: sistematização de desafios e estratégias intersetoriais. Saúde debate [Internet]. 2018; 42(spe1):379-395. Available at: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-11042018000500379&lng=en

Soares JSF, Lopes MJM. Biografias de gravidez e maternidade na adolescência em assentamentos rurais no Rio Grande do Sul. Rev Esc Enferm USP [internet]. 2011; 45(4):802-810. Available at: https://www.scielo.br/pdf/reeusp/v45n4/v45n4a02.pdf

Acioli S, Kebian LVA, Faria MGA, Ferraciolli P, Correa VAF. Práticas de cuidado: o papel do enfermeiro na atenção básica. Rev Enferm UERJ [internet]. 2014; 22(5):637-642. Available at: https://www.researchgate.net/publication/273912639_Praticas_de_cuidado_o_papel_do_enfermeiro_na_atencao_basica


Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Fator de Impacto ISI- International Scientific Indexing

JCR 0.852 (2017-2018)

JCR 1.021 (2018-2019)

JCR 1.254 (2019-2020)

Qualis CAPES: B4

Índice H: 9,0

ISSN Online: 2179-0981 / ISSN Impresso: 2316-848X